Equipe do CEPFS recebe última visita de assessoria bilateral do CAIS

5

Nos dias 5 e 6 deste mês,  o Centro de Educação Popular e Formação Social CEPFS recebeu a última visita de assessoria bilateral do Centro de Assessoria e Apoio a Iniciativas Sociais (CAIS).

No total foram realizadas três visitas, como complemento do curso, desenvolvido em módulos sobre Planejamento, Monitoramento e Avaliação Orientados a Efeitos (PMA) realizado em Brasília. As duas primeiras visitas aconteceram no ano passado. O objetivo das visitas foi ampliar o processo de formação da equipe em PMA.

A primeira formação deu ênfase ao plano de monitoramento focado em efeitos, a segunda priorizou a revisão dos instrumentos de monitoramento e avaliação, já a terceira focou a metodologia da cadeia de efeitos.

Na avaliação da equipe o processo de formação foi fundamental para avançar no trabalho institucional, permitindo enxergar novos horizontes principalmente com foco nos efeitos das ações desenvolvidas. O conteúdo abordado promoveram condições para uma melhor análise do contexto sociopolítico e da sustentabilidade institucional. Também contribuiu para identificar fragilidades e potencialidades da instituição, a serem trabalhadas.

CEPFS recebe prêmio pela segunda vez como uma das 100 melhores ONGS do Brasil!

20191118_194325_2 (2)

Na noite da última segunda feira, em São Paulo, o Centro de Educação Popular e Formação Social – CEPFS foi premiado como uma das 100 melhores ONGs do Brasil. Esta é a segunda vez que o cepfs conquista a premiação.

Promovido pelo Instituto Doar, o prêmio tem como objetivo reconhecer Organizações Não Governamentais que mais se destacam pela Gestão e Transparência em suas ações.  Este ano mais de 700 instituições foram avaliadas.

Durante a premiação o cepfs foi representado por Diego Nunes, que é um dos doadores da campanha Abrace o Semiárido.

Entrevista

José Dias , Coordenador Executivo do CEPFS

Qual a importância desta conquista (uma das 100 melhores ONGs do Brasil) para a instituição?

José Dias – É uma evidência que a instituição vem trilhando por um caminho correto e, exatamente por isso conquista a credibilidade de receber apoio por meio de doações de pessoas físicas e jurídicas espalhadas pelo Brasil inteiro e porque não do mundo!

Quais estratégias o cepfs utiliza para ser transparente em suas ações?

José Dias – Executar os projetos conquistados, compartilhar os resultados e prestar contas do que está sendo feito não só junto aos seus financiadores, mas, também perante a sociedade como um todo por meio do nosso site www.cepfs.org.

Esse reconhecimento gera uma responsabilidade ainda maior para a instituição?

José Dias – Sem dúvida, todo o reconhecimento público aumenta a responsabilidade não só de continuar fazendo bem, mas cada vez mais se qualificar para fazer ainda melhor, qualificando os meios de transparência, etc.

Porque o CEPFS é uma ONG para se DOAR?

José Dias – O próprio reconhecimento do prêmio melhores ONGs para se doar em 2018 e a nova confirmação este ano (2019), de certo modo revela que é confiável doar para o CEPFS para que a entidade possa cada vez mais ampliar suas ações a partir da causa que abraçou desde sua fundação, sempre na perspectiva de promover o empoderamento daqueles que se encontram a margem do processo de desenvolvimento local.

 

 

 

Integrantes da equipe do Cepfs participam de capacitação em Brasília

IMG-20191009-WA0015

Nos dias 08, 09 e 10 de outubro, José Dias e Josilda Cordeiro, que integram a equipe do Centro de Educação Popular e Formação Social – CEPFS participaram em Brasília do terceiro e último módulo do processo de formação em Planejamento, Monitoramento e Avaliação orientados a Efeitos.

A capacitação foi promovida e assessorada pelo Centro de Assessoria e Apoio a Iniciativas Sociais (CAIS), para organizações sociais que são apoiadas pela Misereor.

Após a realização do primeiro e do segundo módulo a equipe do CEPFS também recebeu visitas de assessoria bilateral do CAIS, a fim de aprofundar o aprendizado. A formação foi ampliada para todos os membros da equipe do Cepfs. A próxima visita de assessoria bilateral está prevista para inicio do ano que vem.

Para José Dias Campos, coordenador executivo do CEPFS, a participação nas formações foi de grande valia para a existência institucional.  “Semelhante aos outros módulos foi um momento muito rico de aprendizado e troca de experiência, não só para o projeto apoiado por MISEREOR, mas, para a vida institucional do CEPFS. O planejamento orientado à efeitos permite exercitar e realizar o planejamento a partir do real cenário existente, assegurando condições para que se possam planejar as atividades essencialmente necessárias, sempre conectadas com as mudanças que se quer atingir no cenário previsto”. Destacou o coordenador.

 

 

 

Páginas: Anterior 1 2 3 4 5 ... 111 112 Próximo